Feira de Negócios inova ao aproximar jovens de empresários

Gestores destacam capacitação de talentos do Trilha Jovem Iguassu

 

Um grande encontro de gerações. A 1ª Feira Jovem de Negócios Iguassu uniu gente disposta a compartilhar experiências de vida. Em um formato inovador, o evento aproximou os jovens em busca de emprego dos profissionais do turismo, comércio e tecnologia, nessa terça-feira, 16, em Foz do Iguaçu.


Como se fora brincadeira de roda, centenas de pessoas ficaram à vontade para descobrir talentos profissionais, conversar ali mesmo para incentivar o primeiro emprego e qualificação profissional. E, lógico, de forma descontraída, aproveitar as oportunidades de negócios e para divulgar marcas, serviços e produtos.


A Feira Jovem de Negócios Iguassu foi instalada em uma ampla estrutura de 300 metros quadrados no Wish Resort. Os negócios e atividades de cada empresa participante foram apresentados por quatro jovens, que atuaram como embaixadores dos empreendimentos.

 

O objetivo foi proporcionar a primeira experiência profissional aos integrantes do projeto Trilha Jovem Iguassu e colocar empresas em contato. Os estandes serviram de espaços para a promoção de produtos e serviços e de distribuição de material de divulgação corporativa.

 

Protagonistas – Residente no Jardim Ipê, Iris Gabriele Lopes, 17 anos, afirmou que o Trilha abriu sua visão para além do trabalho. “Melhorei o desempenho na escola e a relação em casa, hoje sou mais respeitosa e mais ouvinte. Aprendi a agir em equipe e a pedir ajuda para que as coisas ocorram da forma certa”, contou.

 

Sorridente, Felipe Correa Hasper, 16, confessou que antes de ser “um trilheiro” estava totalmente perdido, sem perspectivas profissionais, além de sofrer com a timidez. “Eu não sabia nada de serviço. O curso Hospedagem e Atendimento também me deixou mais comunicativo na escola e em casa”, relatou.


Para Andrea Celeste Hanzen, 17, o projeto abriu o mundo da tecnologia ao propiciar o primeiro contato com softwares e programação. “Eu não tinha conhecimento algum em informática. Pensei que seria difícil e não teria capacidade para fazer, mas aprendi a programar na plataforma Python; um universo todo novo para mim”, comentou a jovem do Portal da Foz.


Morador da região da Vila C, Guilherme Santiago, 18, comemorou o desenvolvimento pessoal e profissional ao longo das cerca de 500 horas de formação, com conteúdos teóricos e atividades práticas. “Aprendi muitas coisas que estão me ajudando no relacionamento com as pessoas. Me sinto preparado para o mercado de trabalho”, disse.

 

Lideranças destacam

capacitação de jovens


A 1ª Feira Jovem de Negócios Iguassu reuniu várias autoridades do poder público e iniciativa privada de Foz do Iguaçu, entre elas Tércio Albuquerque (Itaipu Binacional), Gilmar Piolla (Secretaria Municipal de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos), Jéssica Lima (Fundação PTI) e Luiz Carlos Vieira (Fundação Banco do Brasil).


Além das autoridades, os empresários elogiaram tanto os jovens talentos quanto o evento. Empreendedor na área de tecnologia, James Bortolini destacou que o projeto se abriu para novos nichos de mercado. “A juventude tem facilidade absurda com tecnologia da informação. Ela só precisa desse tipo de direcionamento”, frisou o sócio-proprietário da Technos Escola.


Para Faisal Ismail, sócio-proprietário da Ortoplan, o formato do evento permitiu maior proximidade entre gestores e jovens. “Ficou evidente a capacitação das turmas, todos falando com conhecimento e apresentando os produtos e serviços das empresas de forma profissional. Isso nos dá segurança na contratação desses talentos”, enalteceu.


Entusiasmada com o resultado do evento, a gerente comercial e de Marketing do Parque das Aves, Karen Wolf, considerou a 1ª Feira Jovem de Negócios Iguassu uma oportunidade incrível de conhecer profissionais estudiosos, dedicados e com grande potencial. “É lindo de ver jovens atuando com desenvoltura. Essa é a hora de trazer sangue novo e qualificado para dentro das empresas”, recomendou.

 

Equipe acompanhará

a inclusão dos jovens

 

Realizado o evento, agora a equipe técnica acompanhará a inclusão dos jovens no mercado de trabalho nos três primeiros meses. Durante esse período, a equipe técnica dará suporte para garantir o máximo de aproveitamento dos talentos pelas empresas. Todo esse acompanhamento garante elevados índices de inclusão e permanência dos “trilheiros” nas empresas.


Desenvolvido pelo POLOIGUASSU, o Trilha Jovem Iguassu chega à décima edição atendendo mais de 1.350 jovens de 16 a 24 anos, em situação de vulnerabilidade social, cujas famílias têm renda de até três salários mínimos.


O Trilha Jovem Iguassu é sinônimo de credibilidade entre os empresários e representantes do trade e possui como principais parceiros a Itaipu Binacional, Fundação PTI e Funcriança, sendo apoiado ainda por outras instituições e empresas ligadas ao setor turístico. Neste ano, conta com o apoio do Criança Esperança, da Rede Globo e Unesco.

Conectado a Você! Conteúdo relevante para o jovem que busca qualificar sua formação, sua carreira e seu projeto de vida.

Entre em contato com nossa equipe nos canais abaixo:

contato@vidadeestudante.com.br

|45| 99960-7797