Estudantes podem participar do ‘Programa Letrus de Desenvolvimento da Escrita’

Compartilhe

A Secretaria da Educação (Sedu), por meio da Gerência de Ensino Médio (GEM), em parceria com a plataforma Letrus, está ofertando aos estudantes das 3ª séries do Ensino Médio de 70 escolas da Rede Estadual a participação no “Programa Letrus de Desenvolvimento da Escrita”. A ação envolverá mais de 200 professores de Língua Portuguesa e mais de 10 mil estudantes.

Até o final do ano de 2020, cinco propostas de redação serão disponibilizadas aos participantes do programa. Após a escrita na plataforma, eles receberão uma devolutiva instantânea sobre a estrutura do texto, com o desempenho em cada competência no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e a nota final de 0 a 1000. Cada professor poderá acompanhar o andamento da escrita e os resultados finais dos seus estudantes e da turma, como um todo.

Para isso, nesta sexta-feira (04) será realizada uma formação on-line com os professores. Na próxima quarta-feira (09), será desenvolvida a primeira atividade na plataforma pelos estudantes participantes do programa.

Letrus

O Programa Letrus, que utiliza inteligência artificial para auxiliar no letramento dos estudantes, tornou-se a primeira iniciativa brasileira a ganhar o Prêmio Rei Hamad Bin Isa-Al Khalifa, entregue desde 2005 pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

Criado pela startup Letrus, o programa permite que o estudante escreva redações sobre diferentes temas e obtenha correções e orientações imediatas. Por sua vez, os educadores recebem dados e gráficos sobre o desempenho da sala e dos alunos, podendo, individualmente, utilizar estas informações para auxiliá-los e também na preparação e desenvolvimento das aulas.

CONECTADO A VOCÊ!

Conteúdo relevante para o jovem que busca qualificar sua formação, sua carreira e seu projeto de vida. Conheça nossos cursos.

O Cronograma do Aprovado no Enem 2020


Compartilhe